Chargers assinam com Joey Bosa e cortam James Jones

O maior holdout de um calouro sob o novo CBA chegou ao fim. 123 dias depois de ser escolhido com o terceiro pick do Draft desse ano, Joey Bosa assinou contrato com os San Diego Chargers. Os detalhes ainda não foram divulgados, mas o valor total circula perto de US$25,8 milhões por 4 anos, o valor é totalmente garantido e com um sign in bonus de US$17 milhões. Resta esperar para sabermos como essa disputa influenciará o novo contrato entre a associação  dos jogadores e a NFL que deverá acontecer em torno de 2020.

Leia também:
Preview 2016 -AFC West
As Defesas 2016 – Chargers e Raiders
Keenan Allen assina com os Chargers por mais 4 anos

O empasse entre jogador e time envolvia detalhes sobre o sign in bonus e o chamado offset language, mecanismo contratual onde o time deve pagar a diferença salarial caso corte o jogador no seu ultimo ano de contrato como calouro, e ele assine com outro time por um valor menor que receberia pela equipe que o draftou. A confusão chegou a ponto da mãe do atleta se manifestar dizendo que o filho deveria ter “dado uma de Eli” (referencia a Eli Manning que foi escolhido,mas se negou a jogar,  pelos Chargers e foi trocado com os New York Giants por Philip Rivers).

 

Bosa afirma que treinou forte durante toda a pré temporada e esta apto fisicamente a jogar. Além do ajuste que todo jogador passa quando transaciona do CFB para a NFL, o jogador ainda  terá que se adaptar ao esquema 4-3 na defesa, Ohio State usa o 3-4, e poderá demorar ainda mais tempo para se afirmar na liga.

No outro lado da linha de scrimmage os Chargers cortaram o recebedor James Jones que foi contratado para jogar no lugar de Stevie Johnson que perderá a temporada após lesionar o joelho. Com o corte de Jones o WR3 do time deverá ser Tyrell Williams. É o terceiro corte nos últimos 4 times que passou, talvez algum time desesperado posso dar a ele uma chance durante a temporada.

 

 

Rafael Catelan do Nascimento

Torcedor dos Eagles e, por ironia do destino, fã do Tom Brady

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *