Boletim NCAA – Conheça os vencedores dos prêmios individuais da temporada

Vamos começar o quadro desta semana pela partida entre #25 Navy e Army, um dos maiores clássicos do futebol americano universitário. Após 14 anos de derrotas para Navy, o Black Knights venceu a universidade da Academia Naval dos Estados Unidos por 21 a 17. Com um ataque explosivo e uma defesa sólida e oportunista, Army derrotou o Midshipmen no último sábado, no M&T Bank Stadium, em Baltimore, no estado de Maryland.

Após a vitória, Cadetes da Academia Militar dos EUA entraram em campo para comemorar a vitória de Army (Divulgação: Getty Images/Rob Carr)

A vitória ficou bem perto de Army quando o quarterback (QB) Ahmad Bradshaw fez um touchdown em uma corrida de nove jardas faltando 6min para o final da partida. O tabu de 14 anos sem vitórias de Army foi o maior entre as duas equipes desde quando o clássico começou em 1890. O jogo foi quase todo baseado em corridas. Somando as duas equipes, foram apenas 14 passes tentados em toda a partida. O running back (RB) de Army, Kell Walker, teve 94 jardas terrestre no jogo, com a média de 5.9 por tentativa. Na defesa, o defensive back (DB) Xavier Moss teve 0.5 tackle atrás da linha de scrimmage e uma interceptação.

Prêmios individuais da National Collegiate Athletic Association (NCAA)

Nessa semana tivemos a entrega das premiações individuais aos técnicos e atletas da temporada de 2016 da NCAA.

Heisman Memorial Trophy – prêmio dado ao atleta excepcional e mais ilustre da temporada na NCAA, ou seja, ao melhor jogador do ano no College. O prêmio é a maior honraria para um atleta universitário.

Vencedor – Lamar Jackson, sophomore (segundo ano), quarterback, Louisville

Chuck Bednarik Award – ao melhor atleta defensivo dos Estados Unidos. É dado pelo Maxwell Football Club, que avalia e escolhe o melhor atleta do setor na temporda.

Vencedor – Jonathan Allen, senior (último ano), defensive lineman, Alabama

Davey O’Brien Award – dado pela Davey O’Brien Foundation, ele premia o melhor quarterback da temporada na NCAA.

Vencedor – Deshaun Watson, junior, Clemson

Dick Butkus Award – dado anualmente pela Butkus Foundation ao melhor linebacker da temporada na NCAA. O troféu também existe no high school, o ensino médio americano, e no âmbito profissional, ou seja, a NFL e premia o melhor atleta da posição. 

Vencedor – Reuben Foster, senior, Alabama

Doak Walker Award – ao melhor running back da temporada no College Football. Para vencer, o atleta precisa estar em dia com suas atividades acadêmicas e ter, no mínimo, mais um ano de elegibilidade.

Vencedor – D’onta Foreman, junior, Texas

Fred Biletnikoff Award – ao wide receiver (WR) excepcional da temporada no futebol americano universitário. É apresentado pela Tallahassee Quarterback Club Foundation, Inc.

Vencedor – Dede Westbrook, senior, Oklahoma

Jim Thorpe Award – ao melhor defensive back do College Football. É dado pela The Oklahoma Sports Hall of Fame.

Vencedor – Adoree’ Jackson, junior, USC

John Mackey Award – ao melhor tight end da temporada na NCAA.

Vencedor – Jake Butt, senior, Michigan

Johnny Unitas Golden Arm Award – dado ao melhor quarterback da temporada que está no quarto ou último ano (senior) de elegibilidade na NCAA. É apresentado pelo The Golden Arm Foundation, uma fundação em homenagem ao QB Johnny Unitas, ex-Baltimore Colts (atualmente em Indianapolis), da NFL.

Vencedor – Deshaun Watson, junior, Clemson

Lou Groza Award – ao melhor kicker (K) dos Estados Unidos. É dado pela Palm Beach County Sports Commission.

Vencedor – Zane Gonzalez, senior, Arizona State

Maxwell Award – dado ao melhor jogador dos Estados Unidos entre todas as posições. O ganhador é escolhido entre jornalistas de esportes dos EUA, head coaches da NCAA e membros da Maxwell Football Club.

Lamar Jackson levou três prêmios individuais pelo seu desempenho em 2016, um deles foi o Troféu Heisman, dado ao melhor jogador da temporada no College Football (Divulgação: Getty Images/Andy Lions)

Vencedor – Lamar Jackson, sophomore, quarterback, Louisville

Bronko Nagurski Award – ao melhor jogador de defesa da NCAA.O vencedor é decidido entre os membros da Football Writers Association of America, uma associação dos cronistas esportivos dos EUA.

Vencedor – Jonathan Allen, senior, defensive lineman, Alabama

Outland Trophy – ao melhor jogador do interior da linha, tanto ofensiva quanto defensiva. É dado pelo Football Writers Association of America.

Vencedor – Cam Robinson, junior, offensive lineman, Alabama

Ray Guy Award – ao melhor punter (P) da temporada na NCAA. O vencedor é escolhido por redatores de futebol americano dos EUA, treinadores do College, diretores de informações sobre esportes e vencedores do troféu Ray Guy.

Vencedor – Mitch Wishnowsky, sophomore, Utah

Walter Camp Award – ao atleta do ano na NCAA. É decidido por um grupo de head coaches da Football Bowl Subdivision (FBS) e diretores de informação de esportes.

Vencedor – Lamar Jackson, sophomore, quarterback, Louisville

Ted Hendricks Award – ao melhor defensive end (DE) do College Football. É apresentado pela Ted Hendricks Foundation.

Vencedor – Jonathan Allen, senior, Alabama

Rimington Trophy – ao melhor center (C) do futebol americano universitário. É apresentado pela Boomer Esiason Foundation.

Vencedor – Pat Elflein, senior, Ohio State

The Home Depot Award – ao melhor head coach (HC) da temporada no College Football. O prêmio vale apenas para treinadores principais da FBS, ou seja, da primeira divisão. O vencedor é escolhido por analistas da ESPN e da ABC.

Vencedor – Mike MacIntyre, Colorado

Campbell Trophy – ao atleta do College Football com a melhor combinação de resultados acadêmicos, serviços à comunidade e desempenho dentro de campo. É considerado o “troféu Heisman acadêmico”. Dado pela National Football Foundation.

Vencedor – Zach Terrell, senior, quarterback, Western Michigan

Broyles Award – ao melhor treinador assistente do College Football. Todo ano, 1.500 treinadores assistentes que representam as 128 universidades da FBS escolhem o melhor da temporada nessa função.

Vencedor: Brent Venables, coordenador defensivo, Clemson

Lott IMPACT Trophy – ao Defensive IMPACT Player of the Year. IMPACT é um acrônimo para: Integridade, Maturidade, Performance, Acadêmico, Comunidade e Tenacidade. Como diz o nome, é dado apenas para jogadores de defesa. Membros da mídia nacional, finalistas dos últimos prêmios e o conselho administrativo da Pacific Club IMPACT Foundation escolhem o vencedor.

Vencedor – Jabrill Peppers, junior, linebacker, Michigan

Paul Hornung Award – dado ao jogador mais versátil da temporada na NCAA. É dado pela Louisville Sports Comission (LSC).

Vencedor: Jabrill Peppers, junior, linebacker (jogou também como running back, safety e cornerback), Michigan

Disney Spirit Award – dado ao atleta ou equipe que transmitiu mais inspiração na temporada na NCAA. É dado pela National Collegiate Football Awards Association (NCFAA).

Vencedor – James Conner, junior, running back, Pittsburgh – sobreviveu a um câncer que foi diagnosticado em dezembro do ano passado

Wuerffel Trophy – ao atleta que melhor combina os atributos e conquistas acadêmicas, com serviços comunitários e com o desempenho atlético. É apresentador pela All Sports Association of Fort Walton Beach.

Vencedor: Trevor Knight, senior, quarterback, Texas A&M

Márcio Nunes

Estudante de jornalismo, fã de esportes, principalmente futebol americano. Acompanha NFL e futebol americano universitário. Está no Twitter pelo perfil @TheMarcioNunes

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *